Blog

OFICINAS VERDES NO PARQUE DA ÁGUA BRANCA

 

TSR_Face_16

Horta na caixa, bolotas de semente, terrário, plantas medicinais, brinquedos ecológicos, mandalas, orquídeas e animação são algumas das oficinas oferecidas pelo Festival Cultivar no fim de semana de 26 e 27 de setembro

O Festival Cultivar promove, no próximo fim de semana, atividades para todas as idades no Parque da Água Branca. A programação tem como objetivo reconectar as pessoas à natureza na cidade, proporcionando vivências com a terra, sementes, plantas e árvores, e estimulando a reflexão e o debate. Todas as oficinas são gratuitas e acontecem no Pavilhão 1, em frente à arena central do parque.

No sábado, 26/09, serão distribuídas duas mil mudas de temperos, em parceria com o Verdejando: alecrim, hortelã, manjericão, tomilho, orégano, manjerona, sálvia, salsinha e cebolete.

No domingo, 27/09, será realizado o Piquenique de Troca de Sementes e Mudas da Estação. E durante todo o fim de semana as pessoas poderão deixar seus anseios na Árvore dos Desejos e dar sua colaboração para o Varal de Artes da Natureza.

O 6º Festival Cultivar é uma realização do Instituto Árvores Vivas, e é possível graças ao Programa de Apoio à Cultura (ProAC), do Governo do Estado de São ‘Paulo, com patrocínio da Rodonaves e da AES Eletropaulo, produção executiva da Origem Produções e apoio da Envolverde Comunicação, SPTuris e Verdejando. Todas as atividades são gratuitas.

 

Confira a programação completa:

26/07 – sábado

9h às 10h – Nossa vida com as plantas: usos medicinais e cosméticos com Coletiva Caminho Natural

A oficina aborda partes das plantas, princípios de uso, colheita, armazenagem, cuidados no plantio, poder terapêutico das plantas, preparação das ervas, matérias primas vegetais, identificação e uso de algumas ervas. A importância da alimentação para nosso organismo e seu reflexo na saúde, bem-estar e beleza. Ingredientes que estão em nossa cozinha, usados em várias receitas para manter e promover a saúde da pele, cabelos, unhas etc. Haverá uma parte prática abordando a produção de produtos feitos à base de mamão, pepino, babosa, rosa, arroz etc. Todos os participantes recebem uma apostila com as receitas e amostras de produtos secos.

Facilitadoras: Manoella Segia Mignone (educadora ambiental e terapeuta holística), Vivian Yujin Chun (farmacêutica e bioquímica) e Karina Batista, (jornalista, documentarista e terapeuta – medicina chinesa e shiatsuterapia) do Caminho Natural (caminhonatural.net)

9h às 16h – Oficina de bolota de sementes + varal de artes da natureza + árvore dos desejos+ Bicicleta Serigráfica

No coreto em frente a arena central do parque os participantes das atividades do festival cultivar podem fazer suas bolotas de sementes de girassol, ver a exposição das artes produzidas ao longo do evento e na atividade do dia 19 no parque da luz, além de deixar registrado o seu desejo para uma vida mais harmoniosa com a natureza. Na bicicleta serigráfica quem levar camiseta ganha impressão das estampas do festival. Também serão impressos lambes e cartões com as estampas do evento.

9h às 16h – Distribuição e duas mil mudas de temperos, em parceria com o Verdejando: alecrim, hortelã, manjericão, tomilho, orégano, manjerona, sálvia, salsinha e cebolete.

10h às 11h30 – Abelhas sem Ferrão

A oficina abordará a importância das abelhas como polinizadoras e as implicações de seu desaparecimento. Serão apresentadas abelhas nativas sem ferrão do Brasil (tribo Meliponini), com destaque para as espécies mais adaptadas ao meio urbano. Após abordagem de diversos aspectos do tema, os participantes poderão observar um enxame em uma caixa didática.

Facilitador: Celso Barbiéri Jr, da SOS Resgate Abelhas sem Ferrão.

10h às 11h30 – Massinha Caseira, com Biomundo Permacultura, Arte, Design e Sustentabilidade

12h às 13h – Terrário para Crianças, com Carol Costa

Facilitadora: Carol Costa, jornalista e paisagista, colunista da Rádio BandNews, autora do site Minhas Plantas. Produz conteúdo exclusivo para marcas e empresas interessadas e ministra vários cursos de jardinagem.

12h às 16h – Valdinei Calvento, bicicleta girassol e painéis de grafite

O artista Valdinei Calvento assina painéis, pinturas de ruas, gravuras, ilustrações e artes gráficas inspiradas na relação mais harmoniosa com a natureza. Elementos e figuras de fauna e flora estão sempre presentes em suas composições. O artista fará a pintura ao vivo de 3 painéis durante as oficinas verdes no dia 26 de setembro. Além disso, um terceiro painel será produzido com a ajuda dos visitantes e dois desses painéis serão sorteados ao final do evento.  http://www.bicicletagirassol.com/home.html

13h às 14h30 – Brinquedos Ecológicos, com Biomundo Permacultura, Arte, Design e Sustentabilidade

15h30 às 16h – Use bem a água: Cisterna, com Cesar Pegoraro.

 

27/07 (domingo)

9h às 10h – Mandalas e elementos da natureza, com Coletiva Caminho Natural
A construção da mandala é sempre oportunidade de meditação. Nesta oficina são utilizadas sementes e outros elementos da natureza para exteriorizar o que se tem de mais belo. Num primeiro momento da oficina é apresentado um pouco de cada elemento presente. Cada participante pode trazer suas impressões e depois inicia-se uma parte prática de construção de mandalas. Todos os participantes recebem uma apostila e podem levar para casa a mandala construída durante a oficina.

Facilitadoras: Manoella Segia Mignone (educadora ambiental e terapeuta holística), Vivian Yujin Chun (farmacêutica e bioquímica) e Karina Batista, (jornalista, documentarista e terapeuta – medicina chinesa e shiatsuterapia) do Caminho Natural (caminhonatural.net)

9h às 11h – Construção de banheiro ecológico com Biomundo Permacultura, Arte, Design e Sustentabilidade no Caminho do Bem. 

9h às 16h – Oficina de bolota de sementes + varal de artes da natureza + árvore dos desejos+ Bicicleta Serigráfica

No coreto em frente a arena central do parque os participantes das atividades do festival cultivar podem fazer suas bolotas de sementes de girassol, ver a exposição das artes produzidas ao longo do evento e na atividade do dia 19 no parque da luz, além de deixar registrado o seu desejo para uma vida mais harmoniosa com a natureza. Na atividade bicicleta serigráfica, quem levar camiseta pode ganhar impressão das estampas do festival. Também serão impressos lambes e cartões.

10h30 às 12h – Plantio e Cuidado com Orquídeas, com Carol Costa

Nesta oficina haverá apresentação da família Orchidaceae, noções gerais das estruturas botânicas (raízes, pseudobulbo, flor, keiki), tipos de crescimento vegetativo, como escolher vaso e substrato adequados e o transplante de orquídea Phalaenopsis.

Facilitadora: Carol Costa, jornalista e paisagista, colunista da Rádio BandNews, autora do site Minhas Plantas. Produz conteúdo exclusivo para marcas e empresas interessadas e ministra vários cursos de jardinagem.

11h às 16h – 22º Picnic de troca de sementes e mudas das estações + conversa

12h às 13h – Contação de História: A Festa da Juçaroiaba, com Willian Germano

13h às 14h30 – Horta em Caixote, com Andre Biazoti

A horta em caixote é ideal para locais impermeabilizados, onde a terra está muito compactada, de difícil manejo ou com problema de luminosidade. É uma técnica que reduz a quantidade de terra utilizada para o plantio e favorece a manutenção de umidade no canteiro, fator importante para o cultivo sadio de alimentos. A horta utiliza principalmente palha e pode ser transportada para diferentes locais, o que possibilita uma ótima solução para quem quer produzir alimentos em um local reduzido ou apartamento.

Facilitador: André Biazoti é coordenador do Projeto Cidades Comestíveis (www.cidadescomestiveis.org),integrante da Rede Hortelões Urbanos e voluntário na Horta Comunitária do Centro Cultural São Paulo. Integrante ativo da Articulação Paulista de Agroecologia, atua na área de agricultura urbana desde 2011, é animador da Plataforma de Apoio à Agricultura Orgânica na cidade de São Paulo, integrante do Movimento Urbano de Agroecologia (MUDA_SP) e coordenador de projetos do Instituto 5 Elementos.

14h30 às 16h30 – Desenho, Arte e Animação: taumatrópio, com Andrea Valencio Pesek

Sabe o que é um taumatrópio? Apesar do nome difícil, é um objeto mágico muito fácil e divertido de fazer. Vamos juntar nossos sonhos e transformá-los em movimento. Para todas as idades.

Facilitadora: Andrea Pesek é arquiteta, pintora, escultora, dedica-se a projetos de animação, finalização, ilustração, direção de arte, cinema, instalações, vídeo arte. Uma das idealizadoras do canal de animações “Olhar Para Tudo” (olharparatudo.com.br) que busca contribuir para a formação de cidadãos críticos, atuantes, engajados em objetivos que valorizem o respeito pela rica diversidade do ser humano e da natureza. Participa ativamente de iniciativas socioambientais como coletivo Ocupe & Abrace, Horta das Corujas, Hortelões das Nascentes e NascentesSP.

 

Deixar um comentário

You must be logged in to post a comment.